O Grande Oriente Lusitano em Bruxelas

GOL em Bruxelas

No passado dia 27, o Grão-Mestre do Grande Oriente Lusitano, Fernando Lima, esteve em Bruxelas onde, na sede da Comissão Europeia e em conjunto com outros dirigentes da Maçonaria europeia e de Organizações Filosóficas e Não-confessionais, deixou expressas as suas preocupações em matéria de direitos e de dignidade humana, no atual contexto social e económico da Europa.

O encontro, para além do discurso de boas vindas proferido pelo Presidente da Comissão Europeia, José Manuel Durão Barroso, teve uma introdução ao debate pelo Presidente do Conselho da Europa Herman Van Rompuy e pelo Vice-Presidente do Parlamento Europeu Laszlo Surján. Seguiu-se a intervenção de todos os restantes participantes, entre os quais o Grão-Mestre do GOL. O tema central de debate foi a solidariedade inter-geracional na Europa, tendo todas as organizações maçónicas presentes sublinhado a importância da Liberdade, da igualdade de direitos e da solidariedade na Europa de hoje. Referiram ainda as mudanças demográficas, a necessidade da criação de emprego para os cidadãos de todas as idades e as novas realidades da aprendizagem ao longo da vida.

Recorde-se que este departamento especializado da Comissão Europeia, foi instituído por Jacques Delors, em 1990. Recorde-se também que foi o Tratado de Lisboa que introduziu a ideia da necessidade de um diálogo entre as instituições europeias e as Igrejas, as organizações não-confessionais e filosóficas criando-se, desde então, uma relação que se assume como aberta, transparente e regular.

Para além da única Obediência portuguesa, estavam também presentes Joseph Asselbergh, Grão-Mestre do Grande Oriente da Bélgica, José Gulino, Grão-Mestre do Grande Oriente de França, Cristine de Vos, Grã-Mestra da Grande Loja Feminina da Bélgica,  Catherine Jeannin-Naltet, Grã-Mestra da Grande Loja Feminina de França, Luigi Pruneti, representando a Grande Loja de Itália, Rudiger Templin em nome das Grandes Lojas Unidas da Alemanha, René Gainville, representante do Grande Oriente da Hungria, Serge Bartholomé, Grão-Mestre da Federação Belga de O Direito Humano, Emmanuel Delakis, Presidente da Ordem Maçónica Internacional Delphi, José Hidalgo Piñero, Presidente da Federação Espanhola de O Direito Humano, Martine Cerf, Secretária Geral da Igualdade, Laicidade Europa. Estiveram presentes ainda outros convidados das maçonarias de Itália, França e Bélgica e de entre eles referência para Jean-Michel Quillardet, Presidente do Observatório para a Laicidade.

Advertisements