A lenda de Fénix

A antiga lenda mitológica de Fénix é-nos familiar. O pássaro, foi descrito como do tamanho de uma águia, com cabeça finamente adornada, o corpo coberto com bela plumagem, e olhos brilhantes como estrelas.  Foi também dito viver 600 anos no deserto, quando construiu para si uma pira funerária de madeiras aromáticas, que acendeu com o bater das suas asas, e emergiu das chamas com uma nova vida. Por isso, a Fénix foi adoptada universalmente como símbolo da imortalidade.
Higgins (Anacalypsis,IIi., 441) refere a Fénix como símbolo de um ciclo, giratório e solar de 608 anos, e refere-se a “Phen” palavra fenícia, que significa,  ciclo.
Aumont, Grão-Mestre dos Templários e primeiro após o martírio de DeMolay, e chamado “Restaurador da Ordem,” tomou, diz-se, por seu selo, a Fénix, com o lema “Ardet ut VIVAT “. A Fénix foi usada como um símbolo cristão, e várias representações de que foram encontrados em catacumbas.
http://www.facebook.com/Freemasonry.Review
Anúncios