Instituto Português de Estudos Maçónicos

GOL vai criar instituto até ao final do ano.  Um centro de formação e ensino para dar a conhecer os valores maçónicos deverá ser inaugurado até ao final do ano, em Lisboa, pelo Grande Oriente Lusitano (GOL), disse o líder da maior obediência maçónica portuguesa Fernando Lima.

O Instituto Português de Estudos Maçónicos, que pretende ser uma organização «aberta à sociedade», deverá funcionar no bairro da Graça, num edifício propriedade do GOL, precisou à agência o grão-mestre Fernando Lima na primeira entrevista que concedeu após a sua eleição para o cargo, em junho passado.

«Vai ser uma escola de valores e de princípios que é necessário aprofundar» e vai promover cursos, publicações e conferências, acrescentou o advogado e gestor empossado como figura máxima do GOL, obediência com cerca de 2.000 membros distribuídos por cerca de 90 lojas (estruturas autónomas) em todo o país.

Advertisements